By

Quer alterar o seu percurso profissional? Então, saiba que terá de superar alguns desafios. A coach Joana Areias diz-lhe como pode contorná-los para mudar de carreira.

Se está a ler este post é porque provavelmente tirou um curso a pensar nas saídas profissionais, mas nunca gostou do que estudou e menos ainda se sentiu realizada a executar os conhecimentos adquiridos no mercado de trabalho. A boa notícia? Pode e deve mudar de carreira. Afinal, a vida é demasiado curta para perder tempo numa ocupação que a desanima ou, na pior das hipóteses, lhe provoca ansiedade. A coach Joana Areias, autora do livro Tu Consegues! (15€, Lua de Papel) dá-lhe a conhecer os desafios que encontrará no caminho e como pode lidar com os mesmos.

  • Mude de identidade

“Parte da nossa identidade está ligada àquilo que fazemos profissionalmente. Mudar de profissão implica mudar de identidade. É uma morte e um renascimento. Isto é assustador, porque nós não sabemos como é que vai ser a nossa identidade associada a essa nova atividade profissional”, começa a especialista. 

  • Defina o que quer para si própria

“A satisfação no trabalho implica um trabalho de autoconhecimento muito grande”, continua. Isto implica saber aquilo que queremos, as condições em que seríamos mais felizes e saber lidar com expectativas que tínhamos em relação à nossa vida. Só deve avançar quando estiver certa daquilo que quer e que essa transição será a sua principal prioridade, pelo menos até conseguir um trabalho remunerado na área de que realmente gosta.

  • Enfrente ideias pré-concebidas

Tal como nós, a nossa família também criou expectativas sobre onde gostariam de nos ver a trabalhar, o que seria melhor para nós e como podemos chegar lá. No entanto, é importante não se deixar pressionar pelo que os outros querem e esperam de si. Escute com atenção, pois os seus familiares normalmente têm mais anos de experiência e até podem apoiá-la nessa mudança e facultar bons conselhos. Mas, antes de pedir a opinião de quem quer que seja, delineie o seu caminho.

  • (Re)conheça as suas capacidades

Ainda prevalece um certo preconceito em relação à mudança de áreas de trabalho e à transferência de capacidades. De acordo com a coach, para mudar de profissão e setor de atividade, vai ter de “desafiar as expectativas de uma sociedade que nos diz que devíamos encontrar um emprego e ficar 40 anos a trabalhar nesse sítio (se estivermos insatisfeitos, paciência)”.

Mudar de carreira é um dos seus objetivos? Conte-nos a sua história.

 

Leave a Reply