By

Quantas vezes é que durante a adolescência ouviu a sua mãe dizer: “não toques na borbulha!”? Respeitou sempre isso? E hoje, como funciona? Se por algum motivo não conseguir evitar mais um desastre cutâneo, reaja rapidamente!

Na noite anterior até podemos fazer a rotina de beleza corretamente e deitar-nos com o rosto limpo. Infelizmente isso não nos garante, a 100%, que uma borbulha não se lembre de nascer mesmo no sítio mais visível.

Nestas alturas já sabemos a lição de cor: não tocar (de maneira nenhuma) naquele “furacão” bem encarnado que temos no rosto. Acontece que nem sempre é possível ignorá-lo e, contra tudo e contra todos, lá vamos nós “escarafunchar”. Estamos solidárias com esses momentos, por isso resolvemos juntar vários truques que vão ajudá-la a não ficar com cicatrizes e marcas desses momentos, digamos, menos felizes. pronta para pô-los em prática e prometer a si mesma que nunca mais espreme uma borbulha?

  • O primeiro passo é limpar bem a zona com um algodão quente. Depois, deve pôr um produto calmante com propriedades antibacterianas;
  • Sem tocar na área da borbulha com as mãos, coloque gelo envolvido numa toalha, de forma a diminuir o inchaço e vermelhidão;
  • Há quem esmigalhe uma aspirina ou use pasta de dentes na área afetada para ajudar a cicatrizar;
  • Nos dias seguintes use um cicatrizante e apenas utilize maquilhagem oil free, minerais e não comedogénicos;
  • Como na zona da borbulha vai formar-se uma crosta, prometa a si mesma que não a tira. Se o fizer, esqueça- ficará com marca;
  • Quando a crosta desaparecer essa área vai ficar mais escura. Não aplique esfoliante durante algum tempo para a pele regenerar;
  • Passados uns dias comece a usar normalmente o esfoliante para que a sua pele ganhe a cor natural.

Costuma ter borbulhas? O que faz nestas situações? Leia também o nosso artigo de como tratar uma borbulha em um minuto.

 

Leave a Reply