By

apresenta-especial-party

Saber conversar é saber estar. Uma conversa genuína enche a sala, gera perguntas e respostas, gargalhadas, trocas de ideias, abre-nos o espírito e faz-nos pensar. Mas como fazê-lo?

Conversar é, na maior parte dos casos, a primeira forma de nos relacionarmos com os outros. Para os introvertidos isto não é uma boa notícia. No entanto, a parte positiva é que é algo que pode treinar. Um dos principais passos a seguir, segundo Marco Adragna, psicólogo, é desligar o telemóvel quando estiver a socializar, permitindo-lhe apreciar a companhia das pessoas com quem está. A nossa sugestão é que leia as regras a seguir identificadas e garanta que a conversa não descamba.

Em caso de nervosismo absoluta, imprima e leve no bolso. Se ainda assim precisar de uma ajuda extra, nada como consultar livros como The Art Of Conversation: Or, What To Say And When ou o The Art of Conversation: A Guided Tour of a Neglected Pleasure, ambos de Catherine Blyth.

  1. Qualquer que seja o contexto, os bons conversadores sentem-se à vontade e colocam os outros à vontade;
  2. Se está sozinha num evento, posicione-se num local onde seja fácil juntar-se a outras pessoas. Arranje um cantinho próximo da comida e das bebidas, pois por ali toda gente circula;
  3. Quando se apresentar ou apresentar outra pessoa num contexto social, identifique pontos de contacto com os interlocutores; isso é mais importante que fazer um resumo do seu CV;
  4. Oiça os que os outros têm para dizer. Um bom conversador ouve mais do que fala, no entanto, isso não significa ficar calada. Vá fazendo perguntas abertas (com as fechadas arrisca-se a um sim ou um não secos) para desbloquear conversas;
  5. Evite fazer generalizações negativas sobre o local onde está e as pessoas que estão à sua volta – nunca se sabe se os seus interlocutores as conhecem;
  6. Elogios são permitidos, mas nunca exagerados e sempre sinceros, caso contrário vão soar a graxa;
  7. Não seja demasiado minuciosa nos temas abordados. Se o for poderá perder-se em pormenores pouco interessantes, que só servem para cansar o seu interlocutor;
  8. Não interrompa constantemente os outros – é falta de educação;
  9. Quando quiser terminar uma conversa, fale do que tem de fazer a seguir – diga que ainda tem de falar com determinada pessoa antes de se ir embora e apresente a pessoa com quem está a falar a outras pessoas.

Considera-se boa comunicadora? Como é que costuma agir em público?

 

Leave a Reply